Botswana Mozambique South Africa Zimbabwe Sobre Como Usar Glossário Documentos Imagens Mapas Google Earth go
Favor fornecer feedback! Clique para detalhes
Home The River Basin People and the River Governance Resource Management
A População e o Rio

 



Feedback

send a comment

Feedback

 

Alívio à Pobreza: Zimbabué  

Houve vários planos de alívio à pobreza que foram implementados no Zimbabué nas últimas décadas. A política de Crescimento com Equidade foi implementada em 1981, com o objectivo de alcançar um crescimento económico que pudesse ser distribuído pela população (Chinake 1997). Iniciativas para a prestação de serviços de saúde e educação para todos, a título gratuito, estavam incluídos no plano para promover o desenvolvimento rural, integrar os produtores rurais na estrutura de mercado e para aumentar os salários mínimos. Houve efeitos negativos no crescimento, por causa dos custos destes programas de desenvolvimento (Chinake 1997). O Programa de Ajustamento Estrutural Económico foi introduzido mais tarde para implementar as reformas baseadas no mercado económico. Mas estas reformas, inadvertidamente, marginalizaram ainda mais os pobres e desfavorecidos. As falhas destas estratégias levaram à criação de um programa mais eficaz: o Plano de Acção para a Redução da Pobreza. (PAAP), que foi implementado em 1994.

Estudo de Caso

O trabalho de estudo de Chinake de 1997 concluiu que"As principais causas de desigualdade, da pobreza e da desnutrição nas áreas rurais do Zimbabué devem-se à insuficiência de crédito, infra-estruturas e serviços sociais. As mulheres ainda têm menos acesso à terra e aos insumos, embora façam a maioria dos trabalhos agrícolas".

De acordo com os resultados de Chinake (1997), a delegação da Konrad-Adenauer-Stiftung (Fundação Konrad Adenauer) do Zimbabué, em parceria com a Self Help Development Foundation, lançou, em 2008, o projecto co-financiado pela União Europeia “Capacitação como instrumento para a redução mais efectiva da pobreza das mulheres rurais marginalizadas no Zimbabué ". O projecto está centrado na redução da pobreza através da criação de ‘clubes de poupança’, que permitem às mulheres poupar dinheiro e tornarem-se financeiramente independentes dos seus maridos (KAS 2010). Este é um projecto de três anos, com o objectivo de conseguir 2160 líderes do clube e 324 000 beneficiários no total, em 2011. No fim do projecto espera-se que as mulheres estejam mais habilitadas para lidar com as situações adversas que ocorrem nas suas localidades (KAS 2010).

Crianças a recolher água perto de Matopos, Zimbabué.
Fonte: Schaefer 2010
( clique para ampliar )

 



Interactive

Explore as sub-bacias do rio Limpopo


Cenas de vídeo filmadas ao longo do rio Limpopo relacionadas com o tema A População e o Rio


Veja o cronograma histórico dos países da bacia do rio Limpopo, incluindo os acordos de água e construções de barragens