Botswana Mozambique South Africa Zimbabwe Sobre Como Usar Glossário Documentos Imagens Mapas Google Earth go
Favor fornecer feedback! Clique para detalhes
Home The River Basin People and the River Governance Resource Management
A Gestão dos Recursos Hídricos

 



Feedback

send a comment

Feedback

 

Mudança Climática e Adaptação  

A Gestão da Demanda de Água (GDA) tem sido reconhecida como uma ferramenta essencial para fazer face às pressões do crescimento populacional e sua demanda por recursos hídricos. Hoje, a crescente evidência da mudança climática torna o desenvolvimento e a implementação das políticas de GDA ainda mais importante para as instituições nacionais responsáveis pela gestão da água. A intensificação da escassez de água, os problemas de deterioração da qualidade da água, e os efeitos dos eventos climáticos extremos cada vez mais graves e frequentes (tempestades, inundações e secas) quase certamente irão aumentar a necessidade de se tomar melhores medidas de gestão da água.

Caixa: Gestão das Mudanças Climáticas

Em teoria, os efeitos da mudança climática podem ser mitigados em várias maneiras, incluindo:

  1. Aumento dos sumidouros de gases com efeito de estufa
  2. Diminuição das fontes de gases com efeito de estufa

Um sumidouro é um processo que elimina as emissões de gases de efeito de estufa da atmosfera. Por exemplo, o crescimento de uma árvore onde não existia anteriormente fornece um sumidouro de dióxido de carbono porque a árvore extrai o dióxido de carbono para a fotossíntese. Uma fonte é um lugar ou uma actividade a partir da qual são emitidos gases com efeito de estufa, tais como a combustão de carvão.

O Protocolo de Quioto

O Protocolo de Quioto é um instrumento legal que é separado, mas relacionado com a Convenção-Quadro das Nações Unidas sobre Mudanças Climáticas. Os países signatários do Protocolo têm as seguintes obrigações:

  1. Os países desenvolvidos têm a obrigação de assegurar que as suas emissões de gases com efeito de estufa não excedam as quantidades atribuídas a eles.
  2. Políticas de mudança climática devem ser implementadas.
  3. A eficiência energética deve ser reforçada.
  4. As emissões nos sectores de resíduos e transportes devem ser limitadas ou reduzidas.
  5. Sumidouros de gases de efeito estufa devem ser protegidos.
  6. Os instrumentos de mercado que são contrários aos objectivos do protocolo devem ser gradualmente eliminados.
  7. Formas sustentáveis de agricultura e pesquisas pertinentes devem ser promovidas.

Todas essas actividades devem ser realizadas de modo que os efeitos negativos sobre os países em desenvolvimento sejam minimizados.

O futuro das questões das alterações climáticas é, de momento, principalmente nas mãos dos governos. Se os governos decidirem assinar o Protocolo de Quioto, isto implicará mudanças em todos os sectores da economia - algo que devemos aceitar e respeitar.

 

Fonte: Weather SA, 2009

O aumento da intensidade e freqüência das tempestades tropicais é um dos impactos previstos da mudança climática.
Fonte: ARA-Sul 2000
( clique para ampliar )

 



Interactive

Explore as sub-bacias do rio Limpopo


Examine o comércio de água virtual e a pegada de água dos países da SADC


Investigate the dams of the Limpopo basin


Cenas de vídeo filmadas ao longo do rio Limpopo relacionadas com o tema Gestão dos Recursos Hídricos